Nota de repúdio à demissão dos trabalhadores da FADESP no RU

Não à terceirização da UFPA!

O SINDTIFES repudia o processo de demissão em massa dos trabalhadores do Restaurante Universitário (RU), oriundos do contrato via FADESP (Fundação de Amparo à Pesquisa), que foram absorvidos pela empresa contemplada no processo de terceirização do RU realizado no ano passado.

Mais de 20 colegas foram comunicados do processo de demissão, até mesmo os mais antigos, cuja promessa da antiga direção do R.U e da administração superior da UFPA era de incorporar no Projeto coordenado pela SAEST (Superintendência e Assistência Estudantil) até atingirem o tempo de aposentadoria. Em verdade, as demissões concretizam o processo de terceirização do Restaurante, cujos salários e condições de trabalho tende a piorar. Todos sabemos que a terceirização é sinônimo de superlucros para os empresários e intensa exploração, adoecimento e assédio moral para os trabalhadores.

Mas os males da terceirização não atingem só os trabalhadores. Atinge também o público. Já se fala em aumento do valor da refeição, que hoje é de R$ 1,00 para o estudante e alimenta alguns milhares de alunos todos os dias, além de servidores da instituição, que pagam R$ 2,00.

Somos favoráveis à realização de concursos públicos como mecanismos de seleção e contratação de pessoal, no entanto a demissão pura e simples não era a única e nem a melhor solução para resolver o problema dos contratos da FADESP, como é o caso vivenciado por mais de 500 trabalhadores dos hospitais universitários da UFPA (tidos como nulos e ilegais pela justiça trabalhista), uma vez que são trabalhadores essenciais para o funcionamento das atividades de ensino, pesquisa e extensão da Universidade, que não tem responsabilidade pelos desmandos administrativos das gestões da UFPA e da FADESP e com vários dos quais entrando em idade de aposentadoria.

Trata-se de uma covardia contra pais e mães de família que dedicaram parte importante da sua vida a essa instituição e que agora simplesmente são descartados.

Exigimos a imediata suspensão das demissões e que a reitoria da UFPA envide esforços para preservar os postos de trabalhos dos nossos estimados colegas de trabalho.

Diretoria do SINDTIFES

 

comments

Links importantes