Nota explicativa sobre paralisação dos trabalhadores do R.U na UFPA

Belém, 10 de julho de 2017.


À comunidade da Universidade Federal do Pará (UFPA).


O Sindtifes informa, em primeiríssimo lugar, que a responsabilidade pelo não funcionamento do Restaurante Universitário (R.U) no dia de  hoje não é do Sindtifes, como anunciava um informe nesta manhã, disposto em frente aos restaurantes.

 

A responsabilidade de não haver R.U hoje é da Administração Superior da UFPA, da Superintendência da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) e da Direção da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp)! Deles, sim, que, com suas gratificações, parecem pouco se importar com aquelas e aqueles que necessitam do R.U. E parecem se importar menos ainda com os que trabalham todos os dias para produzir o alimento servido nos restaurantes e com quem trabalha nos Hospitais Universitários (HUs)!

 

Os trabalhadores fundacionais vêm recebendo seus salários com 10 a 15 dias de atraso e a patronal apresentou uma proposta rebaixada de reajuste salarial em uma negociação que vem sendo arrastada desde março deste ano. Por isso, paramos hoje e anunciamos que iremos parar sempre que for necessário para defender nossos direitos! Essa é a nossa posição. A qual, inclusive, convidamos todos a apoiar, ciente de que se trata de uma luta justa, em prol de uma coletividade, e extremamente digna de todo respeito e solidariedade.


Apoio total aos trabalhadores do R.U e dos Hospitais Universitários!

 

Atenciosamente,

 

Sindtifes- Sindicato dos Trabalhadores das Instituições Federais de Ensino Superior do Estado do Pará

comments

Links importantes