Qua, 12 de Setembro de 2018 16:43

Nesta quinta-feira, 13, representantes de diversas categorias do serviço público reunidas no Fórum das Entidades dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe) estarão em Brasília para um grande ato em defesa dos serviços públicos. A Emenda Constitucional (EC) 95/16, que congela investimentos públicos por vinte anos, e pode promover um colapso no setor já nos próximos dois anos, será denunciada. Uma delegação de coordenadores do Sindtifes estará presente.


Os servidores também irão ao Supremo Tribunal Federal (STF) exigir o reconhecimento do direito de sua data-base. Um Recurso Extraordinário (RE 565089) sobre o tema, do qual a Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef/Fenadsef) é signatária, aguarda julgamento no STF. No mesmo dia, será realizada a posse do novo presidente do Supremo, Dias Toffoli. Os trabalhadores aproveitarão a ocasião para reafirmar suas bandeiras e causas.


A caravana do Sindtifes saiu de Belém nesta terça-feira, 12, por volta das 19h. O ato será realizado à tarde em Brasília e a delegação retornará no mesmo dia. O sindicato participa historicamente de atividades como essa no Distrito Federal. Em 2017, foi realizada uma caravana contra as reformas do governo golpista e que exigiu a renúncia imediata de Michel Temer.

 

comments